“É preciso que as coisas mudem para que continuem as mesmas”

 

 

Nós éramos os leopardos, os leões; esses que nos substituíram são os chacais, as hienas; e todos os leopardos, chacais e ovelhas continuarão a acreditar no sal da terra.

A sessão vintage fala hoje do filme que foi considerado por muitos a obra prima do diretor  italiano Luchino Visconti: “O Leopardo.”

Com belas paisagens e elenco de peso, “O Leopardo” foi inspirado no livro de mesmo nome, escrito por Giuseppe Tomasi de Lampedusa, e mostra com uma clareza verdadeira e emocionante a o retrato de toda uma época.

Na Sicília de 1861 a aristocracia decadente tenta se manter no poder em frente às revoluções burguesas, as revoluções de Garibaldi anunciam a unificação da Itália e a mudança do modelo de poder do país.

Dom Fabrizio, o Príncipe Salinas (Burt Lancaster, em seu melhor papel), tenta ignorar as mudanças que estão acontecendo em seu país, enquanto seu sobrinho Tancredi (Alain Delon) se une ao exército revolucionário, e justifica-se a seu tio com a frase que caractetiza o filme e o pensamento da aristocracia da época: “Se queremos que tudo fique como está é preciso que tudo mude “.

“O Leopardo” retrata essas mudanças, tanto no estilo de vida da aristocracia decadente, como na ascensão de outras formas de poder, e principalmente a flexibilidade dessa aristocracia para se manter em uma posição superior, mudando de lado conforme as regras do jogo

A magnífica atuação de Claudia Cardinalle também deve ser destacada. No papel de Angélica Sedara, a bela mulher que encanta Tancredi. Angélica é o modelo de mulher bonita e audaciosa, que vem de uma família burguesa e rica, porém sem títulos, e aspira reconhecimento social e títulos de nobreza. Ironicamente, essa linda moça possui mais dinheiro que seu noivo, o sobrinho do Príncipe Salinas. Amores à parte, esse casamento se mostra como mais uma das ferramentas de Tancredi para manter as coisas como são.

As cenas finais mostram o baile de noivado de Angélica e Tancredi, e são a síntese da situação presente e futura da aristocracia: Dom Tancredi firma seu compromisso com a burguesa para manter seu poder e sua posição social. O exuberante baile de noivado é representado por Visconti como uma cerimônia fúnebre, mostrando a decadência do Leopardo, e a morte de tudo o que ele representa.

A trama social é maravilhosa, mas o que mais encanta no filme é a sua emotividade, ao mostrar o impacto das mudanças sociais na vida e nos sentimentos das pessoas. A atuação de Lancaster é esplêndida, mostrando toda a emoção (ou falta dela), nostalgia e pessimismo de um príncipe que vê tudo aquilo que conhece escorrendo pelos dedos.

Premiações

OSCAR
Indicação
Melhor Figurino – Colorido

GLOBO DE OURO
Indicação
Melhor Revelação Masculina – Alain Delon

FESTIVAL DE CANNES
Vencedor
Palma de Ouro

Elenco


Burt Lancaster (Príncipe Don Fabrizio Salinas)

 

 

 

 

 

 


Alain Delon (Tancredi Falconeri)

Claudia Cardinale (Angelica Sedara)

Elenco completo:
  • Burt Lancaster (Príncipe Don Fabrizio Salinas)
  • Claudia Cardinale (Angélica Sedara)
  • Alain Delon (Tancredi Falconeri)
  • Paolo Stoppa (Don Calogero Sedara)
  • Rina Morelli (Princesa Maria Stella Salina)
  • Romolo Valli (Padre Pirrone)
  • Terence Hill (Conde Cavriaghi)
  • Pierre Clémenti (Francesco Paolo)
  • Lucilla Morlacchi (Concetta)
  • Ida Galli (Carolina)
  • Ottavia Piccolo (Catarina)
  • Carlo Valenzano (Paolo)
  • Anna Maria Bottini (Mademoiselle Dombreuil)
  • Lola Braccini (D. Margherita)
  • Howard Nelson Rubien (Don Diego)
  • Giovanni Melisenda (Don Onofrio Rotolo)
  • Serge Reggiani (Don Francisco Ciccio Tumeo)
  • Giuliano Gemma (General de Garibaldi)

Sobre Mitta

Amo tudo que posso fazer, sou simples e decidida, objetiva e paciente, sou livre, mas ainda presa aos princípios da vida. Sou Publicitária e estou me especializando em Produção Multimídia, registro clicks da vida como uma mera espectadora e apreciadora da arte divina.

Publicado em 6 de abril de 2011, em Adaptados para o cinema, Aplausos, Astros e Estrelas, Clássicos do cinema, Cri-Críticas, Traillers e marcado como , , , , , , , , , , , , , , , , . Adicione o link aos favoritos. Deixe um comentário.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: